Número de visitas: 2151231

Laboratório de Ortopodologia


Somos especializados, há mais de 15 anos, na confeção de produtos ortopédicos para o cuidado e proteção dos pés. Estes produtos são elaborados com os materiais mais inovadores do mercado e utilizando a mais elevada tecnologia e qualidade.

Ortóteses em silicone

O silicone tem propriedades muito especiais que absorvem o impacto e distribuem as pressões, sendo por isso, o material mais indicado para todo o tipo de ortóteses digitais/plantares.A estas vantagens junta-se o facto de ser um material inerte que gera poucas rejeições, não tem crescimento bacteriano nem fúngico e é muito fácil de lavar com água e sabão. O silicone utilizado no consultório é de grau médico e especialmente fabricado para cumprir o mais elevado nível de qualidade.

Existem vários tipos de ortóteses em silicone:

Paliativas –  reduzem a dor e a pressão e podem evitar deformidades (ex.: dedos em garra, helomas (calos), etc.)
Corretivas –  corrigem e alinham as estruturas com deformidade (ex.: joanetes, dedos sobrepostos, etc.)

Palmilhas

Suportes plantares / palmilhas ortopédicas de correção
A tecnologia e os materiais utilizados são de última geração. Os materiais utilizados na elaboração das palmilhas, são de origem vegetal e animal, e não causando qualquer tipo de rejeição por parte dos pacientes.

Existem duas técnicas para a confeção das palmilhas:

Técnica de adaptação indireta  – adaptada ao molde positivo ou negativo do paciente;
Técnica de adaptação direta – adaptada ao pé do paciente.

Tipos de Palmilhas para Crianças
Pela experiência adquirida na utilização deste tipo de suporte em crianças diz-nos que, de facto, na realidade é benéfica a sua utilização. O material é de última geração, o que nos permite fazer uma boa correção, não esquecendo o conforto das crianças, pois são muito fáceis de se adaptar ao calçado normal. É muito importante haver uma vigilância periódica e um ajuste do tratamento ao pé da criança. Alterações mais frequentes são:  pé plano, pé cavo, joelhos valgos / varos, rotação interna dos pés, etc.

Tipos de calçado
O calçado, atualmente, desempenha um papel fundamental para os pés. Ao longo destes anos fomo-nos apercebendo que os pacientes, que tinham de utilizar algum tipo de correções, tinham dificuldades em encontrar calçado que se adaptasse às suas necessidades. Depois de várias solicitações, decidimos fazer uma profunda pesquisa de mercado. Em 2003 iniciamos uma colaboração com duas empresas multinacionais especializadas no setor, para assim, podermos responder a todas as solicitações.

  1. Anatómicos –  elaborados a partir de um profundo conhecimento anatómico dos vários tipos de pés.
  2. Ortopédicos –  confecionados com base em estudos das mais importantes deformidades / alterações digitais e plantares (ex.: dedos em garra, joanetes, pé plano, pé cavo, entre outras).
  3. Por medida –  é um calçado muito específico e estrito, pois são fabricados de acordo com as deformidades dos pés. Para o resultado ser um sucesso é imprescindível efetuar sempre um molde e tirar as respetivas medidas ao pé (ex.: pé equino, pé boto, pernas de diferentes tamanhos, entre outros).
  4. Pé diabético –  é um tipo de calçado muito especial, pois este pé é muito sensível e o calçado é fundamental para a saúde do pé.

 

Gait Plate

A marcha em intraversão/antepés adultos (pés rotados para dentro) é muito frequente aparecer em idade infantil, motivo que leva os pais a recorrer a uma consulta de especialidade pediátrica, como a Podiatria Infantil.A imagem demostra claramente os sinais evidentes da presença da patologia.

No tratamento utilizamos um novo método "Gait Plate"**. Este método consiste na utilização de uns suportes plantares específicos,  que fazem a correção sem recurso a cunhas corretivas, muitas vezes mal toleradas pelas crianças.

Galeria