Número de visitas: 2151255
    • 2014-11-14 10:34:29

    Revista APP

    AVALIAR O POTENCIAL EFEITO CLÍNICO ATRAVÉS DE UTILIZAÇÃO DE MEIAS COM CARACTERÍSTICAS ANATÓMICAS DIFERENCIADORAS E PRODUZIDAS COM UMA NOVA FIBRA CELULÓSICA ENRIQUECIDA COM PRATA E ALGAS NA PREVENÇÃO DE LESÕES EM PÉS DE RISCO E COMO COADJUVANTE NO TRATAMENTO DE LESÕES NOS PÉS DE DOENTES DIABÉTICOS .

    No pé diabético podem existir algumas alterações anatomopatológicas e neurológicas periféricas que ocorrem nos pés de pessoas com diagnóstico de diabetes Mellitus. Essas alterações constituem-se de neuropatia diabética, problemas circulatórios, infecção e menor circulação sanguínea no local, sendo que. essas lesões geralmente apresentam contaminação por bactérias e fungos. Os principais objectivos do estudo foram a avaliação do potencial efeito clínico de uma nova meia produzida com fibra celulósica enriquecida com prata e algas na prevenção de lesões em pés de risco e como coadjuvante no tratamento de lesões nos pés de doentes diabéticos. A prata é um agente antimicrobiano (bactérias e fungos) usado em fibras têxteis. mas desconhece-se o potencial efeito benéfico no caso de infecções cutâneas nomeadamente ao nível do pé. Também se pretendeu determinar o efeito protector das meias em relação ao trauma cutâneo causado pelo próprio doente. Uma das justificações para este ensaio clínico passa pela protecção física (evitar o prurido) que as meias podem dar ao doente.

    Artigo Completo